Prefeitura resgata dívida com professores ao aprovar novo Plano de Cargos e Salários

A Prefeitura Municipal de Amaturá publicou no Diário Oficial dos Municípios o novo Plano de Cargos, Carreira e Salários dos professores da rede municipal de ensino. O novo plano foi aprovado no último dia 26 de outubro e beneficia os 165 professores municipais. Com o novo plano, a Prefeitura de Amaturá passou desde 1o. de novembro a pagar o piso de R$ 1.292,68 superior ao que foi estabelecido pelo piso nacional, atualmente de R$ 1.227,00. Por determinação do prefeito Joaquim Corado o pagamento do novo piso será retroativo a dezembro de 2017. 
O novo PCCS dos professores sancionado pelo prefeito Joaquim Corado, resgatou uma dívida desde a administração anterior cujo o Plano aprovado em 2015 não era aplicado. 
Uma das medidas que entrou em vigência foi o enquadramento automático dos professores a partir do novo piso. 
“Houve um enquadramento automático de todos os professores efetivos. Isso não acontecia com o plano anterior”, afirmou a secretária municipal de Educação Helem Aquino.
O regime de progressão, a ascenção na carreira pelos profissionais do magistério, também já foi regularizada pelo novo decreto. Professores que haviam ingressado no magistério nas administrações anteriores, passam a receber novos salários.
O plano contempla ainda os professores que concluem curso de graduação, especialização, mestrado e doutorado passam a receber acréscimo em seus salários. Embora estivesse no plano anterior, o mesmo não era pago aos professores.
Para o prefeito Joaquim Corado, o novo PCCS atende antiga reivindicação dos professores. “Elaboramos um plano enxuto onde realmente os professores tiveram finalmente seus direitos reconhecidos. O plano aprovado em 2015 só havia no papel. Embora o decreto seja de 1ode novembro, nós vamos pagar o retroativo desde dezembro de 2017”, observou o prefeito. 
 

Fonte: Assessoria de Comunicação